Category

Mercados

Viver anuncia que saiu de recuperação judicial; ações VIVR3 fecham em alta de 15,61%

A incorporadora e construtora Viver (VIVR3) informou nesta segunda-feira (2) que foi proferida sentença determinando o encerramento da recuperação judicial do grupo. O processo tramitava na 2ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais do Foro Central Cível da Comarca da Capital de São Paulo. Em meio à notícia, as ações VIVR3 fecharam com um salto...
Saiba Mais

Alpargatas: com resultados do 2º tri impulsionados pela alta demanda no exterior, ações sobem cerca de 17% na Bolsa

SÃO PAULO – A fabricante de calçados Alpargatas (ALPA4), dona da marca Havaianas, registrou lucro líquido recorrente de R$ 111,4 milhões no segundo trimestre de 2021, um salto de 228,7% ante o mesmo período do ano anterior. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) recorrente subiu 163% e chegou a R$ 196,7...
Saiba Mais

Ibovespa fecha em alta, mas fica longe da máxima com petróleo e notícias sobre o Bolsa Família; dólar cai às vésperas do Copom

SÃO PAULO – O Ibovespa fechou em alta nesta segunda-feira (2), mas a queda de 1,9% das ações da Petrobras (PETR3; PETR4) e notícias sobre aumento no benefício do Bolsa Família acabaram limitando os ganhos do índice, que na máxima chegou a subir mais de 2%. Os futuros do barril do petróleo tipo Brent caíram...
Saiba Mais

Rede de academias Bluefit protocola pedido de IPO na CVM

SÃO PAULO – A rede Bluefit, que se apresenta como a segunda maior rede de academias de baixo custo do país, com cerca de 100 unidades, protocolou na última sexta-feira (30) pedido para uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) na Comissão de Valores Mobiliários (CVM). De acordo com minuta do prospecto...
Saiba Mais

BB Seguridade apresenta resultado do 2º trimestre considerado fraco e revisa projeções

A BB Seguridade (BBSE3) teve no segundo trimestre deste ano lucro líquido de R$ 753,7 milhões resultado 23,2% menor que o registrado um ano antes e 22,8% inferior ao obtido no primeiro trimestre deste ano. O ganho teria sido de R$ 896 milhões, se expurgado o impacto da defasagem da inflação medida no IGP-M. O...
Saiba Mais

Números das locadoras de veículos foram bons, mas uma se destaca: confira as opiniões de analistas sobre os resultados

SÃO PAULO – As três locadoras de veículos principais com capital aberto na B3 já divulgaram resultados e todos foram bem recebidos pelos analistas. Alguns pontos em comum foram o aumento na receita com a venda de seminovos, compensando os impactos da pandemia no segmento rent-a-car (aluguel de curto prazo de carros). No entanto, qual...
Saiba Mais

Irani tem resultado forte no 2º tri, com preços e volumes maiores, apesar de limitação da produção

SÃO PAULO – Apesar de sofrer restrições por conta de seu limite de capacidade de produção, a companhia de papel e embalagens Irani (RANI3) conseguiu surpreender os analistas e entregar no segundo trimestre deste ano um resultado melhor que o esperado em praticamente todas as linhas. A empresa teve lucro líquido de R$ 68 milhões,...
Saiba Mais

Ambev ganha espaço e Heineken tem leve queda nas vendas no Brasil: o que isso significa para as companhias?

SÃO PAULO – Os resultados do segundo trimestre de 2021 da Ambev (ABEV3) não foram muito bem recebidos pelos investidores na última quinta-feira (29) em meio ao impacto dos custos mais altos sobre as margens (veja mais clicando aqui). Se os custos mais altos não agradaram, por outro lado, alguns analistas demonstraram otimismo com relação...
Saiba Mais

Ray Dalio: mesmo com aperto do cerco regulatório, ações de empresas chinesas ainda merecem espaço na carteira

SÃO PAULO – Ainda que investidores estejam reagindo negativamente às intervenções estatais na China, o mercado acionário do gigante asiático ainda merece atenção e espaço na carteira de investidores. A avaliação é de Ray Dalio, fundador da gestora Bridgewater Associates. “Tanto o mercado americano quanto o chinês oferecem oportunidades e riscos – e é provável...
Saiba Mais

Na contramão de Bolsonaro, Banco Central pressiona por bancos mais verdes

SÃO PAULO/BRASÍLIA (Reuters) – O Banco Central está se preparando para exigir que os bancos contabilizem potenciais perdas advindas de fenômenos relacionados a mudanças climáticas, como secas, inundações e incêndios florestais, posicionando-se como líder global na regulamentação do setor financeiro com base em ESG. A proposição de novas regras ocorre sob a liderança de Roberto...
Saiba Mais
1 2 3 4 5 6 666