Ibovespa Futuro tem leve queda em sessão de cautela com piora no noticiário sobre coronavírus

SÃO PAULO – O Ibovespa Futuro abre em queda nesta segunda-feira (10) seguindo as bolsas internacionais após a China ter que adiar a volta completa ao trabalho por conta do coronavírus. Era esperado que hoje as empresas chinesas voltassem a funcionar após ficarem paralisadas desde o dia 24 de janeiro, mas, com a disparada no número de infectados pela doença, indústrias como a Foxconn, fornecedora da Apple, decidiram permanecer fechadas.

Já chegou a 40.170 o número de pessoas infectadas e a 908 a quantidade de mortos pelo vírus. Algumas províncias chinesas só vão retomar as atividades em março. A Grã-Bretanha declarou hoje que o vírus é uma “ameaça à saúde pública” após quatro casos autóctones serem confirmados.

Às 9h27 (horário de Brasília), o contrato futuro do Ibovespa para fevereiro caía 0,08% a 113.435 pontos, já o dólar futuro para março tinha leve baixa de 0,12% a R$ 4,321.

No mercado de juros futuros, o DI para janeiro de 2022 cai quatro pontos-base a 4,94%, DI para janeiro de 2023 tem queda de cinco pontos-base a 5,51% e DI para janeiro de 2025 perde também cinco pontos-base a 6,15%.

Entre os indicadores, o Relatório Focus do Banco Central revelou que os economistas do mercado mantiveram suas expectativas para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro de 2020 em 2,3% e para o PIB de 2021 em 2,5%.

Com relação ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a mediana das expectativas foi reduzida de 3,4% para 3,25% em 2020, mas ficou estável em 3,75% para 2021.

Para o câmbio, as expectativas se mantiveram em R$ 4,10 para 2020, mas foram elevadas de R$ 4,05 para R$ 4,10 para 2021. Já para a taxa básica de juros da economia brasileira, a Selic, houve manutenção das projeções em 4,25% para 2020 e 6% para 2021.

Noticiário Corporativo

O Bradesco (BBDC3 e BBDC4) aumentará o seu capital social em R$ 4 bilhões, com a emissão de 806,3 milhões de novas ações ordinárias e preferenciais. O objetivo do aumento de capital, segundo o banco, é fazer uma bonificação aos atuais acionistas e ampliar a quantidade de papéis em circulação no mercado, “tornando o preço mais atrativo a um número maior de investidores”.

Já a Alpargatas (ALPA4) divulgou seu balanço e informou que o seu lucro líquido cresceu 29,5% no ano passado, para R$ 431,6 milhões. A fabricante das Havaianas vendeu no ano passado mais de 252 milhões de pares das sandálias e de calçados das marcas Osklen e Mizuno, um crescimento superior a 1,8% no volume de vendas.

A BB Seguridade (BBSE3) publicou balanço na manhã de hoje e informou um lucro líquido recorrente de R$ 4,3 bilhões, em crescimento de 21,3% na comparação a 2018.

Já a Petrobras (PETR3; PETR4) divulga relatório de produção e vendas do quarto trimestre após o fechamento do mercado; desempenho financeiro será divulgado em 19 de fevereiro. O Itaú Unibanco e a São Martinho divulgam balanço após fechamento do mercado.

Quer investir com corretagem ZERO na Bolsa? Clique aqui e abra agora sua conta na Clear!

The post Ibovespa Futuro tem leve queda em sessão de cautela com piora no noticiário sobre coronavírus appeared first on InfoMoney.

Deixe um comentário